Cadastre-se

Banco de Redações

Tema atual - novembro de 2014

Tema: O Brasil precisa adotar a regulação da mídia?

A recente adoção de um órgão independente regulador da mídia por parte do Reino Unido, após os escândalos envolvendo jornalistas que usaram grampos telefônicos ilegais para ouvir conversas de políticos e celebridades, trouxe de volta ao Brasil a discussão da necessidade de regulação da mídia. Já existente em diversos países da América do Sul, nos Estados Unidos e na Europa (como França e Alemanha), a regulação é uma das bandeiras defendidas pelo Partido dos Trabalhadores (PT), que, após a reeleição da presidente Dilma Rouseff, já acena possibilidades de discussão sobre o assunto para apresentação de propostas. No entanto, grande parte da imprensa brasileira não é a favor da regulação, alegando que a mesma poderia se tornar uma estratégia governamental para barrar ou influenciar conteúdos. O Banco de Redações propõe o seguinte tema a ser tratado em novembro de 2014: O Brasil precisa adotar a regulação da mídia?

Para realizar a proposta, você deverá construir uma DISSERTAÇÃO, demonstrar domínio da norma culta da língua, mobilizar diversas áreas do conhecimento, ou seja, seu conhecimento de mundo, para desenvolver o tema, respeitando a estrutura do texto dissertativo-argumentativo. Além disso, você deve levar em consideração os textos apresentados na coletânea e, de preferência, aprofundar a pesquisa sobre o assunto através de outros meios, levantar os principais argumentos e realizar uma crítica análise dos mesmos, deixando claro seu posicionamento diante do tema na conclusão do texto. 

Veja como fazer uma boa dissertação e conheça também as características deste gênero textual​.

Seu texto deverá apresentar entre 15 e 30 linhas (fonte times 12 em documento normal do Word).

O sistema de envio de redações mudou. Veja como funciona o novo Banco de Redações.

Cronograma para envio de redações:

1º período para envio: 1 a 9 de novembro
2º período: 11 a 18 de novembro
3º período: 20 a 26 de novembro

Correções: a partir de 3 de dezembro

ATENÇÃO: para enviar a redação é preciso antes fazer o login na Área do Usuário. Saiba mais!

Enviou seu texto em outubro 2014? Acesse a correção neste link!
Não sabe como começar seu texto? Então confira algumas dicas aquiaqui e aqui.

Elabore sua redação considerando as idéias a seguir:

Em entrevista ao SBT, Dilma reafirmou que não irá interferir na liberdade de expressão. Sobre a parte econômica, disse que o setor "tem que ter" regulações, mas não explicou quais. Questionada se irá fazer algum projeto nesse sentido, disse: "vamos discutir bastante antes de fazê-lo". [Folha de São Paulo/UOL - Leia na íntegra]

(...) a rainha Elizabeth II sancionou nesta quarta-feira um sistema de regulação da mídia, que foi amplamente criticado por jornalistas locais. A iniciativa, apoiada pelos três principais partidos políticos britânicos, vem na esteira do escândalo de escutas telefônicas por jornalistas, e depois de os meios de comunicação verem seus esforços contra o controle rejeitados na Justiça. [ O Globo - Leia na íntegra]

A percepção contemporânea de que os meios de comunicação são instituições centrais para os regimes democráticos garantiu a esses meios, por parte dos Estados Nacionais, um conjunto de direitos especiais que têm sua mais importante expressão no direito à liberdade de imprensa. Por outro lado, esse mesmo reconhecimento e o fato de serem definidos como direitos especiais levaram os Estados Nacionais a estabelecerem um conjunto de regras que ressaltam os deveres da mídia em relação às nossas democracias. Trata-se da idéia de regulação da mídia. [Portal Andi - Leia na íntegra]

Com o objetivo de contribuir para o debate sobre o novo marco regulatório para as comunicações no Brasil, o Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social apresenta um levantamento sobre o funcionamento de órgãos reguladores que atuam sobre sobre a radiodifusão em 10 países. O estudo revela a tendência de os países adotarem órgãos independentes para regulação do setor, com ênfase nas questões de garantia de competição, gestão do espectro e de regulação de conteúdo. [Observatório da Imprensa - Leia na íntegra]



Brasil Escola nas Redes Sociais