Cadastre-se

Banco de Redações

Tema de agosto de 2015

Tema: O desafio da mobilidade urbana no Brasil

Na primeira década dos anos 2000, o número de veículos particulares que chegaram às ruas do Brasil saltou mais de 100%. A infraestrutura de grande parte das cidades do país, no entanto, não acompanhou este salto. O resultado são os já conhecidos problemas de mobilidade urbana, especialmente em grandes centros, como Rio de Janeiro e São Paulo, e até mesmo em capitais e cidades menores do país. De norte a sul a queixa é a mesma: o trânsito está um caos, perde-se cada vez mais tempo em trajetos diários, o que afeta diretamente a produtividade e, consequentemente, a economia. Além do estresse, há ainda outro problema: a disputa por espaço e velocidade gera uma verdadeira guerra do trânsito. Mas há esperanças: alguns exemplos bem sucedidos pelo mundo podem ajudar a encontrar o caminho das pedras para a mobilidade urbana brasileira. Ainda assim, há quem resista às mudanças: muitos reclamam do problema, mas não querem ter sua rotina ou seus hábitos alterados para fazer parte da solução. Neste mês de agosto, o Banco de Redações propõe o tema: "O desafio da mobilidade urbana no Brasil".

Para realizar a proposta, você deverá construir uma DISSERTAÇÃO, demonstrar domínio da norma culta da língua, mobilizar diversas áreas do conhecimento, ou seja, seu conhecimento de mundo, para desenvolver o tema, respeitando a estrutura do texto dissertativo-argumentativo. Além disso, você deve levar em consideração os textos apresentados na coletânea e, de preferência, aprofundar a pesquisa sobre o assunto através de outros meios, levantar os principais argumentos e realizar uma crítica análise dos mesmos, deixando claro seu posicionamento diante do tema na conclusão do texto.

Veja como fazer uma boa dissertação e conheça também as características deste gênero textual​.

Seu texto deverá apresentar entre 15 e 25 linhas (fonte times 12 em documento normal do Word).

O sistema de envio de redações mudou. Veja como funciona o novo Banco de Redações.

Cronograma para envio de redações:

1º período para envio: 03 a 07 de agosto
2º período: 10 a 14 de agosto
3º período: 17 a 21 de agosto

Correções: a partir de 3 de setembro

ATENÇÃO: para enviar a redação é preciso antes fazer o login na Área do Usuário. Saiba mais!

Evite enviar a redação pelo celular. A estrutura do texto pode ficar comprometida e o corretor ortográfico do celular pode trocar as palavras.

Enviou seu texto em julho de 2015? Acesse a correção neste link!
Não sabe como começar seu texto? Então confira algumas dicas aqui, aqui e aqui.

Elabore sua redação considerando as ideias a seguir:

"Entre os anos de 2002 e 2012, segundo dados do Observatório das Metrópoles, enquanto a população brasileira aumentou 12,2%, o número de veículos registrou um crescimento de 138,6%. Há cidades no país que apresentam uma média de menos de dois habitantes para cada carro presente, o que inviabiliza quase todas as medidas para a garantia de um sistema de transporte mais eficiente." [Portal Brasil Escola - leia na íntegra]

"Para transformar as cidades será preciso uma mudança de paradigmas. O futuro, segundo o ex-prefeito de Bogotá Enrique Peñalosa — um dos papas da mobilidade no mundo — inclui restringir o uso dos carros, aumentar o preço dos combustíveis, implantar pedágios urbanos e acabar com os estacionamentos. Além disso, será preciso humanizar as cidades com o fim das rodovias e inclusão de avenidas e mudar o conceito do que é uma rua: mais espaços para ônibus, ciclovias e calçadas." [Portal ClicRBS - leia na íntegra]

"Segundo dados da ONU (Organização das Nações Unidas), em um mês, o trânsito brasileiro mata, em média, 4,1 mil pessoas e causa a invalidez permanente de outras 43,2 mil. Os números consolidados são mais expressivos que os registrados pela guerra entre palestinos e israelenses, que em julho deixou mais de 1,3 mil mortos e seis mil feridos." [Portal Transporta Brasil - leia na íntegra]

Coletânea de notícias e textos sobre mobilidade urbana - [Folha de São Paulo - leia na íntegra]



Brasil Escola nas Redes Sociais