Cadastre-se

Redação Unicamp 2013 1ª fase: Proposta 2

Por Oficina do Estudante
 

No TEXTO 2, a proposta exigiu que o aluno formulasse uma Carta do Leitor, colocando-se na posição de um leitor assíduo e que acompanha o debate sobre o consumo do álcool na adolescência. Tal texto deveria ser direcionado aos redatores do jornal que publicou a matéria "Cães vão tomar uma 'gelada' com cerveja pet", uma vez que a naturalidade com que o consumo de álcool é encarado pode ser um fator para aumentar os casos de problemas com essa substância nos adolescentes. Essa crítica deveria ser embasada por dados trazidos na matéria "Vergonha Nacional", na qual são encontrados vários números e informações relativos a esse problema.

Seria importante que o candidato fundamentasse seus argumentos com a matéria da coletânea. Vários fatores são apresentados. Destaque para o álcool ser considerado um "mal menor" comparado a outros problemas (podendo citar drogas). Outro aspecto é o grande número de jovens que já se embebedou (note que, pelas estatísticas, apenas 12% dos que possuem entre 14 e 17 anos nunca esteve em uma situação dessas). Por fim, o percentual de casos em que o consumo de álcool foi acompanhado por parentes. O número de ocorrências relativas a bares (35%) também pode ser mencionado, refletindo que existe uma falta de fiscalização. Esse fato pode reacender também o debate da aplicação e rigor das leis que, na teoria, deveriam evitar esse problema; mas, na prática, são ignoradas tanto pelos estabelecimentos quanto por seus consumidores (incluindo pais e adolescentes) que encaram o consumo com naturalidade. O aluno deveria levar em conta esse detalhe em sua argumentação.

Outro fator primordial seria deixar clara a interlocução. A menção ao fato de ser um leitor assíduo e que segue sempre o debate sobre o alcoolismo na adolescência deveria ocorrer e poderia ajudar muito o candidato a embasar sua argumentação. O direcionamento aos redatores do jornal "Folha de S. Paulo" (no qual foi publicada a matéria referente à cerveja canina) também deveria ser bem claro, uma vez que se trata de uma carta.

Desenvolvendo melhor a discussão sobre o gênero, a Carta do Leitor exige que o aluno comente a matéria que causou a reflexão (a proposta exigiu que o texto possuísse autonomia, como é visto em "de modo que mesmo quem não a tenha lido entenda a importância da crítica que você faz") e, através de uma estrutura argumentativa básica, trazendo os dados da matéria da "Veja", convença seu interlocutor acerca do ponto de vista. A necessidade de uma interlocução bem definida e marcada é primordial nesse gênero textual e dá maior verossimilhança e força à fala.

A proposta 2 não trouxe um nível de dificuldade elevado. Um candidato que fizesse uma boa leitura da coletânea e tivesse um treinamento de redação conseguiria produzi-la sem grandes problemas. O fato de o gênero e a temática não serem distantes da realidade do aluno também tornou o trabalho mais natural, da mesma forma que o contexto jornalístico não é novidade no exame da universidade. Uma boa proposta de redação, com as características típicas do vestibular da UNICAMP.









Receber respostas por email


Brasil Escola nas Redes Sociais