Cadastre-se

Comunicação empresarial

Por Wanessa de Almeida
 


A palavra chave para o sucesso de uma empresa

Nunca se falou tanto em comunicação no ambiente empresarial como agora. Manter uma boa relação com a mídia já não está mais em segundo plano. Nas constantes mudanças que estão ocorrendo deste o final do século passado, o chamado “quarto poder” é o principal formador de opinião e ferramenta fundamental para a manutenção da boa imagem de qualquer negócio.

O estudo das assessorias de comunicação é recente e faz parte da grade curricular dos cursos de Jornalismo e Relações Públicas. Os interessados por essas áreas têm agora uma opção mais especializada de formação superior: trata-se da Tecnologia em Comunicação Empresarial, graduação que pode ser considerada uma especialização em assessoria institucional.

Ao final dos dois anos de curso, o profissional estará por dentro das principais técnicas de divulgação da boa imagem da empresa para a sociedade. Para isso, desenvolverá ações para transformar um pequeno acontecimento da empresa em notícia de jornal. E quando isso acontece, seu objetivo principal é alcançado.

A comunicação entre os funcionários e com os setores diretamente ligados aos serviços prestados pelo negócio também faz parte das ações dessas assessorias. E todos os mecanismos criados para manter o bom relacionamento entre chefia e escalões da empresa e clientes são essenciais para manter a boa competitividade no mercado e fidelização. E tudo isso pode ser conseguido utilizando desde as mais simples até as mais sofisticadas ferramentas de comunicação, como jornais-murais e intranet.

E com a percepção da importância das assessorias de comunicação, o mercado de trabalho está em ascensão. Desde os mais simples negócios até as grandes multinacionais necessitam de serviços como este para divulgar de forma direta e eficaz o trabalho realizado. Assessores de comunicação podem atuar ainda no setor público.

O curso

Disciplinas multidisciplinares fazem parte do currículo desta tecnologia. Noções básicas de psicologia, economia e mercado, endomarketing e sociologia serão dadas aos futuros tecnólogos. Mas as matérias mais específicas são as que mais ocupam as 1600 horas da graduação, como Fundamentos da Comunicação, Gerenciamento da Informação Empresarial, Imagem Organizacional, Redação Jornalística e Oficial.

Instituições de ensino

Região Centro-Oeste
Distrito Federal
: Uniplan
Goiás: IUESO
Mato Grosso do Sul: ICEGES

Região Nordeste
Bahia
: IBES

Região Sudeste
Espírito Santo
: FAVI
Minas Gerais: FACMinas
São Paulo: Uniban, FTI

Região Sul
Paraná
: UTFPR, IESFI
Santa Catarina: IESGF







Receber respostas por email


  • domingo | 27/12/2009 | Christiane Alm...

    Ótima matéria! Eu tenho 18 anos, nasci e moro em Salvador-BA, e concluí o Ensino Médio em 2009, me identifico muito com esta área, mas o mercado que absorve públicitários, ainda é muito maior em São Paulo, gostaria de conhecer mais sobre esta profissão fascinante e fazer parte do mundo das mentes brilhantes da comunicação. Comunicação é tudo!

  • quinta-feira | 22/10/2009 | GILIANE

    PODE SE ESTENDER A PROFISSÃO TAMBM A OUTROS ESTADOS DO NORDESTE

  • domingo | 30/08/2009 | ligia

    este curso abre muitas portas para um futuro melhor .

Brasil Escola nas Redes Sociais