Cadastre-se

A corrupção no Brasil

Por Marcos Oliveira Mendes
 
Decidi falar, hoje, sobre um tema que, apesar de muito “batido”, continua mais atual do que nunca, a corrupção no Brasil.

O Brasil passa por uma situação delicada ao se falar em corrupção. Roubos, fraudes, falcatruas, principalmente na classe política, levam a população a desacreditar no país. O principal combustível deste processo é a impunidade, a qual, aliada com aqueles que fazer a lei, beneficia os ricos em detrimento dos pobres.

Notam-se, ao observar os fatos ocorridos nestes últimos anos, cada vez mais escândalos envolvendo deputados, senadores e até ministros, além dos seqüestros, assassinatos e demais crimes de violência, que atingem números alarmantes. “Esquema P. C. Farias” e “escândalo da administração de Paulo Maluf” nos anos noventa, “mensalão”, “escândalo das sanguessugas” e o “caso João Hélio” recentemente, são apenas alguns exemplos.


Por que casos de desvio de dinheiro público não param de aparecer no Brasil?

Estarrecidos com tais casos que são relatados diariamente nos meios de comunicação, os brasileiros esperam ansiosamente uma solução que nunca vem. A falta de punição ainda impera, quase tudo sempre “acaba em pizza”. É aí que reside o papel da justiça, acabar com o atual quadro de letargia e elaborar leis mais eficazes e igualitárias para todas as classes.

Se a impunidade impulsiona o aumento dos crimes, eliminá-la, então, é o meio mais consistente de acabar também com a onda de corrupção que assola o Brasil. Isso é possível com uma reestruturação nas regras do país, de modo que elas atuem com igualdade entre as classes, adquirindo mais rigor e agilidade.

Veja mais sobre os casos de corrupção e desvio de dinheiro no Brasil

Conheça o perfil de Marcos Mendes!






Receber respostas por email


  • sábado | 16/11/2013 | Carlos bianchini

    O povo so teem os politicos q merecem.vivo em Portugal a 17 anos e assisto a tv record todos os dias,hoje por exemplo(16.11.2013)varias pessoas aplaudindo aquele ===== q foi preso no caso mensalao(1 deles).nao vo dizer nomes...encheram as contas bancarias em algum paraiso fiscal.Daqui algums meses estao livres curtindo num grandioso iate.se 1 pobre roba 1 pao para matar a fome...varios anos no cilindro...ou seja votem,votem,vote,votem muito.Ou seja politicos,ponha seu maestro aqui no nosso (^) q a gente gosta

  • terça-feira | 01/10/2013 | Cassiano Teixeira

    Muito bom o seu ponto de vista em relação à corrupção que persiste até hoje em nosso país. Concordo em muita coisa.

  • segunda-feira | 26/08/2013 | Julia Freitas

    achei muito bom,mas também acho q vc começou a dar solução ao problema antes do tempo

  • terça-feira | 06/08/2013 | João Ci...

    A escravidão persiste e não disfarça, só não existe distinção, da cor, da crença, ou da raça. Enquanto existir a lei de imunidade e o foru privilegiado; e o eleitor continuar sendo obrigado a votar, sem saber como funciona uma eleição; pouca diferença existira entre os brasileiros submissos e os homens das cavernas! Não acredite no fim da escravidão; o voto obrigatório não é uma atitude democrática, não acredite que acabou a ditadura, não acredite na estória da nossa independência! Pois quando se viu pressionado, o Rei de Portugal só passou o poder para o filho! Molharam as mãos de uns traidores e nossos antepassados continuaram sendo roubados e enganados. Depois das alianças entre partidos, não acredite que existe partido político de esquerda, ou de direita; não acreditem na honestidade

Brasil Escola nas Redes Sociais